e33ae30c-ca4f-4893-b0cb-15f5fd8e9f65

DIA DAS CRIANÇAS - Você está preparando seu filho para o futuro?

Dia 12 de outubro, comemoramos o Dia das Crianças. E este é um ótimo momento para que os pais se questionem sobre o futuro de seus filhos. Como as crianças de hoje estão sendo preparadas para enfrentar o futuro? Hoje, gostaria de convidar os papais a fazer uma reflexão sobre como estamos preparando nossas crianças para que se tornem jovens criativos, dinâmicos e adaptáveis.

Sim, criatividade, dinamismo e capacidade de adaptação são características cada vez mais exigidas pelas escolas, pelo mercado de trabalho, pela vida... E essas competências precisam ser trabalhadas nas crianças a partir de agora.

Hoje, quando pensamos em preparar nossos filhos para o futuro, a primeira coisa que nos vêm à cabeça é pensar para qual profissão estamos formando-os. Mas será que temos como prever alguma coisa diante dos avanços tecnológicos que experimentamos todos os dias?  Então, a saída é ouvir as crianças, oferecendo para elas a oportunidade de desenvolver suas próprias experiências. Deixe-os descobrir o que gostam de fazer, oriente-os para empreender, dê-lhes autonomia para fazer pequenas coisas que competem à sua faixa etária.

Para preparar as crianças para este futuro tão incerto, o caminho é desenvolver nelas habilidades fundamentais que afetam a maneira como elas se relacionam com o mundo. Apesar de todas as dúvidas que pairam pela cabeça dos pais quando o contexto é o futuro dos filhos, o caminho é ajudá-los a se tornarem um ser humano cada vez melhor.  Orientem-se para que se tornem pessoas éticas, solidárias, proativas, empáticas e do bem.

E como fazer isso? Oferecendo para eles um ambiente carregado de afeto, confiança, informação e verdade. Lembre-se de orientá-los também sobre finanças. Seja sincero e explique sobre finanças, ensine-os a se relacionar com o dinheiro de uma forma saudável, para que se tornem adultos responsáveis, organizados e planejadores.  Desta forma, eles vão, naturalmente, desenvolvendo as habilidades e competências necessárias para conseguir resolver de forma criativa e concreta os problemas da vida. E, mais do que isso, eles serão cada vez mais capazes de tomar decisões acertadas, que levem a uma vida plena e significativa quando adultos, mesmo neste futuro tão difícil de prever.